obama

Obama vence

A derrota do preconceito racial nos Estados Unidos foi a grande lição legada ao mundo através das urnas, no embate Mc Cain, republicano, e o democrata Barak Obama.

Pesquisas há muito o apontavam como vencedor, mas a pergunta: “será que eles estão falando a verdade”?, era sempre tema colocado como reflexão . Os analistas duvidavam que o povo norte americano elegesse um negro para a presidência da potência mais poderosa do mundo. Insistiam muito que a grande maioria dos que se declaravam não preconceituosos, estavam escondendo o racismo que parecia estar impregnado na pele dos norte americanos. Parece até que o tema “preconceito racial” teve como divisor de águas: antes de Obama e depois de Obama.

Obviamente a vitória do democrata não pode ficar restrita a especulações sobre a sua cor. Depois de Bush, que entrará na História como o pior presidente dos Estados Unidos, o povo clamava por mudanças. Foi este um dos motes da campanha do democrata; change we need. Obama foi eleito sob o signo de concretização de esperanças do povo mergulhado numa grande crise econômica, enredado em guerras que o contribuinte é obrigado a pagar, numa política de subsídios agrícolas, que talvez não seja a melhor política a ser adotada, na indiferença a questão ambientais. De todos os cantos do planeta Barak Obama recebeu homenagens e que este governo que se iniciará seja um marco na História, é o que todos anseiam.

Anúncios